Publicidade

Covid-19: Belas lidera recuperações de pacientes

Luanda – Com Luanda a ser, até agora, o epicentro da covdi-19 no país, o município do Belas é o que mais caso de recuperação registou, num total de cinco dos 11 pacientes recuperados, seguindo-se de Talatona (03), Maianga (1), Sambizanga (1) e Ingombota (1).
De acordo com o boletim informativo das últimas 24 horas sobre à pandemia de covid-19, Angola importou casos em Portugal (79%), Espanha, África do Sul, Brasil, EUA, Holanda Cuba e Guiné Conacry, todos representam 22 por cento.
O boletim disponibilizado pela Comissão Interministerial de Resposta à Covid-19 informa que Belas possui um total de oito casos, cinco dos quais recuperados.
O distrito urbano da Maianga é a região de Luanda que mais casos registou, num total de 11, um recuperado e dois óbitos, seguindo-se Talatona, com nove casos activos, três dos quais recuperados, enquanto com casos ainda doentes estão Viana (3), Cazenga (1), Kilamba Kiaxi (1).
No total de 35 (com oito transmissão local) casos positivos registados no país, 27 dos quais importados de Portugal, Cuba e África do Sul, o Sambizanga e Ingombota possuem um caso cada, todos já recuperados.
As idades variam entre 0-9 anos (17.1%), 10 a 19 (8.6%), 20-29 (17.1%), 30-39 (31.4%), 40-49 (11.4%), 50-59 (11.4%), mais de 60 (2.9%).
O país possui 412 casos suspeitos em investigação, 957 contactos directos e ocasionais seguidos e 908 pessoas em quarenta institucional.
INIS
O Instituto Nacional de Investigação em Saúde (INIS) analisou 3.547 amostras, com 35 positivas, 2.705 negativas e 807 em processamento.
CISP
O Centro Integrado de Segurança Pública (CISP) recebeu 81 chamadas, todas relacionadas com pedidos de informação sobre a covid-19.
Altas em quarentenas
Um total de 47 pessoas receberam alta das quarentenas, sendo cinco em Luanda, Lunda Norte (03), Cabinda (03), Huambo (02) e Zaire (34).
Relativamente a equipa de respostas rápidas, recebeu quatro alertas de casos suspeitos, que após investigação foram todos descartados.

Sem comentários

Com tecnologia do Blogger.